24 de out de 2012

Encarnado

Metade das linhas banhadas por lágrimas, a outra metade buscando a respiração perdida em algum lugar sob a pele quente.

Quantas vidas para desatar os nós do coração?