13 de jul de 2012

Tuitéria

Dançar é invisível, é dentro. O movimento é verbo dos pés desenhando o solo, pontuação da pele acariciada pelo ar.


***

Lamber palavras: ganhar eternidade entre a saliva e o desejo.

***

Silêncio ecoando pelos poros; a ausência de sensações.